28/02/2024 às 12h59min - Atualizada em 29/02/2024 às 00h00min

Iluminação mal planejada e inadequada traz prejuízos para a saúde dos olhos e pode causar até enxaqueca

Um projeto de iluminação eficiente garantir mais conforto visual e gera economia

Cesar Augusto Sampaio
Novvalight.com.br
Divulgação
Uma iluminação inadequada e mal projetada pode causar vários problemas de saúde ocular, entre outros danos, para qualquer pessoa que passe muitas horas do dia num mesmo ambiente. Segundo a doutora Núbia Vanessa, oftalmologista do CBV-Hospital de Olhos, do Distrito Federal, nesses casos, os prejuízos podem ser muitos, como aumento de grau do óculos (erros refracionais), irritação ocular e diminuição da lubrificação ocular. “Isso faz com que as pessoas fiquem com os olhos cansados e secos, por conta da perda de qualidade visual do ambiente. Essa situação pode até mesmo desencadear doenças, como a enxaqueca”.

A doutora Núbia Vanessa é graduada em medicina pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, com especialização em glaucoma pela Universidade Federal de Minas Gerais (2001) e doutora pela Universidade Federal de Minas Gerais (2012). Atualmente, é médica oftalmologista do Centro Brasileiro da Visão (CBV) e coordenadora de oftalmologia na Secretaria de Saúde do Distrito Federal.

Pandemia trouxe mais problemas -  A doutora afirma que a questão da iluminação nos ambientes tem sido muito estudada pelo mundo afora, principalmente, por conta da pandemia, quando muitos profissionais passaram a usar, por muito mais tempo do que anteriormente, equipamentos como computadores, celulares e tablets. Com isso, as pessoas deixaram de exercitar a visão para distâncias mais longas, exigindo muito mais da visão de curta distância”.
De acordo com sua experiência, a  especialista destaca que também há relatos de pessoas que se sentem incomodadas com a iluminação em shoppings, estádios de futebol, restaurante e outros ambientes (fechados ou abertos), por conta da luz refletida em objetos, paredes e superfícies em geral. “A qualidade da iluminação é muito importante, pois uma iluminação mal planejada pode até causar acidentes nos ambientes, colocando em risco a vida de todas as pessoas que circulam nessas áreas”. 

Projeto luminotécnico - Na avaliação de Roberto Payaro, CEO da Novvalight, fabricante brasileira de luminárias industriais, é fundamental que empresas de iluminação  tomem medidas reais em relação ao uso de luminárias e lâmpadas com soluções eficientes para o ser humano e o meio ambiente. 

Daí, a necessidade de um projeto luminotécnico, desenvolvido por profissionais especializados, que atenderá normas e exigências de segurança e proteção estabelecidos por órgãos responsáveis. “Um projeto luminotécnico eficiente tem como objetivo garantir o melhor conforto visual, a melhor funcionalidade e a maior economia. Por isso, deve-se pensar no todo, nas partes integradas e nas funções que ali serão executadas. Vai além de iluminar um espaço e inclui mecanismos - soluções inteligentes capazes de gerar economia, segurança e eficiência, além de agregar valor aos ambientes”, indica Payaro.

Vários fatores são considerados no projeto: tipo, quantidade e disposição das luminárias, temperatura de cor, pé direito, tipo de atividade e a planta do local, análise das estruturas e das atividades executadas, mapeamento dos pontos de claridade X a incidência de luz natural. “Essa análise evita que sejam instaladas luzes em excesso ou que falte instalação de pontos de luz que prejudicam a execução das atividades, o rendimento da produtividade e podem até causar acidentes de trabalho”.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://novojorbras.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp