25/01/2024 às 14h33min - Atualizada em 26/01/2024 às 20h12min

Tecnologia pode colocar Brasil em pé de igualdade na indústria mundial

Implementar sistemas como o Real Time Location System é o desejo de muitos gestores:

Aroldo Antonio Glomb Junior
www.kakoi.com.br
Divulgação

2024 começou com a eficiência da indústria nacional em jogo, principalmente após o lançamento do programa federal de incentivo que promete injetar 300 bilhões de reais no setor. Especialistas do setor entendem que é necessária uma atualização total no parque industrial e a tecnologia será o ponto-chave dessa transformação.

Recentemente o governo americano fez movimento semelhante e as indústrias aproveitaram para implemento de tecnologia como a RTLS. Uma empresa do setor da linha branca implementou o sistema e os resultados foram percebidos em pouco tempo. Diminuição das perdas no início de turno em 67%, uma economia de 3,1% na força de trabalho e com efeitos inclusive na redução de acidentes de trabalho em 15%. O sistema foi implementado em uma área responsável pela produção de eletrodomésticos e eletrônicos com 1,3 milhão de metros quadrados com precisão de 50 cm.

Este exemplo ilustra o desafio da indústria nacional em equivaler a sua produtividade aos concorrentes norte-americanos e europeus usando tecnologia como ponto de partida para haver, no mínimo, uma paridade de produtividade e custos.

Para Marcelo Lonzetti, diretor da ztrax, especialista em tecnologia de monitoramento de pessoas e ativos, a importância de implementar sistemas como o RTLS (Real Time Location System) se reflete justamente no controle, altamente desejado por gestores:

"A indústria 4.0 abarca a gestão de fluxos de materiais, pessoas e informações vitais. Não há razão para que gestores, preocupados com seus colaboradores, maquinários, ferramentas e produtos, não consigam manter informações precisa em ambientes controlados, criando uma cadeia de alta produtividade comum em países com a indústria desenvolvida".

Uma pequisa de 2019 mostra que produzimos em uma hora o equivalente a US$ 16,75, valor que corresponde apenas a 25% do que é produzido nos EUA (US$ 67). Comparado a outros países, como Noruega (US$ 75), Luxemburgo (US$ 73) e Suíça (US$ 70), o desempenho do país é ainda pior. O uso da tecnologia é o ponto central desses mercados em comparação com o Brasil.

Na indústria 4.0, onde cada minuto conta e a competitividade é acirrada, a tecnologia se destaca como a ferramenta vital para gestores que buscam não apenas evitar perdas, mas também impulsionar a produtividade e a excelência operacional.

"Adotar soluções como o RTLS transforma fábricas que precisam manter a produção intensamente. O gestor consegue reduzir os custos com perdas, furtos, danos, avarias e extravios de materiais e produtos graças ao controle de localização, e isso muda o jogo nacional em um cenário competitivo" completa Marcelo.


Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://novojorbras.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp