26/04/2024 às 11h48min - Atualizada em 28/04/2024 às 00h01min

Lumu Autopilot: tecnologia de gerenciamento autônomo e resposta a incidentes de cibersegurança alimentada por IA

Projetado para realizar com eficiência operações de segurança 24 horas por dia, 7 dias por semana, o Lumu Autopilot atua como uma versão digital da equipe de segurança, aumentando os recursos de detecção e resposta automatizada

Pedro Carvalho
Lumu
São Paulo, 26 de abril de 2024 - A Lumu Technologies, criadora do modelo de cibersegurança Continuous Compromise Assessment, que permite às organizações operar a cibersegurança de forma eficiente, anunciará o Lumu Autopilot™ na RSA Conference 2024.

Lumu Autopilot é uma tecnologia com patente em andamento desenvolvida para ajudar as organizações a gerenciar incidentes de segurança detectados pela Lumu. Por meio de operação contínua e investigação, atua de acordo com sua avaliação de cada incidente. A ferramenta monitora, silencia, fecha ou escala ataques de segurança de forma autônoma e em tempo real.

A indústria da cibersegurança tem dependido tradicionalmente de profissionais altamente qualificados para compensar as deficiências na tecnologia de cibersegurança, no entanto, esta abordagem já não é uma solução viável, o que se comprova pelo cenário atual:

- Prevê-se que o aumento de dispositivos conectados exceda os 75 bilhões em 2025.
- A exploração maliciosa da IA conduz a um aumento substancial tanto na frequência como na gravidade dos ataques cibernéticos.
- Consequentemente, o aumento nos volumes de dados que requerem análise se intensifica, aumentando a demanda por profissionais qualificados necessários para manter operações de segurança 24 horas por dia, 7 dias por semana.
- Com aproximadamente 3,5 milhões de vagas de emprego não preenchidas na área da cibersegurança, encontrar e reter esses talentos é dispendioso ou excepcionalmente difícil.

O Lumu Autopilot aborda essa realidade diretamente, para ajudar as organizações a enfrentar esses novos e crescentes desafios nas operações de cibersegurança. 

“Nos últimos cinco anos, a Lumu coletou meticulosamente metadados de rede e conduziu análises abrangentes de ameaças cibernéticas para criar playbooks baseados em IA projetados para enfrentar uma ampla gama de ameaças cibernéticas. Selecionamos as melhores práticas de analistas experientes de cibersegurança, combinando a tomada de decisões humanas com a velocidade incomparável das máquinas”, disse Ricardo Villadiego, fundador e CEO da Lumu. “Com o Lumu Autopilot ativado, as organizações obtêm uma versão virtualizada de sua equipe de operações de segurança com recursos aumentados que reduzem erros decorrentes de tarefas manuais e repetitivas. Esses recursos mantêm as operações de segurança funcionando 24 horas por dia, independentemente de onde sua equipe esteja.”

Os benefícios do Lumu Autopilot incluem:

1 - Gerenciamento autônomo de incidentes: para tomar decisões automatizadas apoiadas por inteligência artificial, o Lumu Autopilot utiliza extensos sinais de rede, integra-se com soluções de cibersegurança existentes na infraestrutura, aproveita o conhecimento da Lumu sobre ameaças específicas e guias de melhores práticas para o tipo de ameaça relevante.
2 - Garantia de operação SOC 24 horas por dia, 7 dias por semana: a ferramenta atende aos requisitos das políticas de risco cibernético e demais critérios exigidos por diversos marcos e modelos regulatórios, tanto para Operações de Segurança (SOC) quanto para operações e monitoramento gerenciados por terceiros, 24 horas por dia, 7 dias por semana. dias por semana.
3 - Economia de custos e eficiência: o Lumu Autopilot equivale a ter um membro adicional na equipe de cibersegurança, permitindo que o restante da equipe durma tranquilamente, aproveite fins de semana e eventos familiares enquanto mantém suas operações de segurança ativas.
4 - Elimina a lacuna de talentos: o Lumu Autopilot opera de forma autônoma, eliminando a necessidade de talentos dedicados para gerenciar incidentes de cibersegurança. Isso permite que as equipes de segurança supervisionem um grande volume de incidentes em curtos períodos de tempo. A experiência fornecida pelo Autopilot reduz a necessidade de contratar talentos dedicados ou altamente técnicos para operar a cibersegurança.
5 - Capacita a tomada de decisões humanas: quando os incidentes são escalados para analistas humanos, o Lumu Autopilot fornece as informações personalizadas necessárias para tomar medidas eficazes. Isso inclui elementos de ação imediata, práticas recomendadas e endpoints individuais afetados pela violação específica.

Para saber mais sobre a Lumu acesse https://lumu.io/ ou visite-nos durante a RSA Conference, estande 4355, para ver o Lumu Autopilot em ação.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://novojorbras.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp