16/06/2023 às 01h33min - Atualizada em 16/06/2023 às 01h33min

Prefeitura distribui 430 mil cestas básicas a famílias de estudantes carentes nas férias

Com o intuito de garantir a segurança alimentar dos alunos no período de férias escolares, a Prefeitura de São Paulo iniciou nesta segunda-feira (12) a distribuição de 430.016 cestas básicas para estudantes da Rede Municipal. Serão beneficiados os estudantes inscritos no CadÚnico, em situação de maior vulnerabilidade.  
A entrega será feita por meio das escolas onde o aluno está matriculado até o dia 30 de junho. A distribuição das cestas dos estudantes dos Movimentos de Alfabetização de Jovens e Adultos (MOVA) ocorre nas Diretorias Regionais de Educação (DREs). 
O recesso escolar ocorre entre os dias 10 e 21 de julho. Também está em consonância com a lei municipal 17.819/2022, que define o Programa de Segurança Alimentar e Nutricional no Município de São Paulo. 
Cada cesta básica pesa, aproximadamente, 12 quilos. Há itens como arroz, feijão, leite em pó, farinha de milho flocada, óleo de soja, sal, macarrão, extrato de tomate e sardinha em óleo. 

Alimentação no Recreio nas Férias
A Secretaria Municipal de Educação também vai fornecer três refeições diárias, sendo café da manhã, almoço e lanche da tarde, durante a programação da 42ª edição do Recreio nas Férias, entre os dias 10 e 21 de julho. 
O programa oferece atividades de esporte, lazer e recreação para as crianças pela cidade de São Paulo em 64 polos participantes, sendo os 56 CEUs, 3 CECIs, 2 instituições (Jardim Jaraguá I e Jardim Jaraguá II) e nas EMEFs Bernardo O’Higgins, Wanda Ovídio Gonçalves e Jardim das Laranjeiras. 
A programação ocorre das 9h às 16h. A expectativa é atender aproximadamente 16 mil crianças e adolescentes, de 4 a 14 anos, que não precisam necessariamente ser alunos da Rede Municipal. Todas as atividades são gratuitas. 
As inscrições podem ser feitas, presencialmente, nos polos de interesse, mediante a apresentação dos seguintes documentos: RG ou certidão de nascimento da criança ou do adolescente e do responsável, comprovante de residência. 

2,3 milhões de refeições diárias 
Diariamente, a Prefeitura de São Paulo serve 2,3 milhões de refeições para mais de 1 milhão de estudantes. De forma ininterrupta, alunos da rede municipal de ensino recebem de segunda a sexta a merenda que já chegou a ser premiada por conta de seu valor nutricional. Atenta às necessidades nutricionais dos alunos, a Prefeitura conta com equipes de nutricionistas, logística, qualidade e gestão. O cardápio é variado, nutritivo e saboroso, formulado prioritariamente com itens orgânicos, da agricultura familiar. A banana, o arroz, o suco de uva integral e as hortaliças são comprados de produtores locais da capital. Os demais ingredientes são fornecidos por empresas que atendem toda a rede escolar.  
O cardápio prioriza a oferta de alimentos in natura e minimamente processados, de acordo com as diretrizes nutricionais estabelecidas pelo Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). São oferecidas de quatro a nove porções de carne bovina, suína, de frango ou peixe por semana. 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Comentar

*Ao utilizar o sistema de comentários você está de acordo com a POLÍTICA DE PRIVACIDADE do site https://novojorbras.com.br/.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp